MotorDream

Testes

Teste: Mercedes-Benz Classe X - Degraus acima

06/12/2018 05:00  - Fotos: divulgação
Envie por email


Com vendas previstas para 2019 no Brasil, Mercedes-Benz Classe X é picape requintada, confortável e esportiva

POR ALESSIO SANAVIO,
DO INFOMOTORI.COM/ITÁLIA,
EXCLUSIVO NO BRASIL PARA AUTO PRESS
 
A Mercedes-Benz decidiu reescrever a história das picapes quando apresentou, em 2017, seu modelo premium. Agora, a Classe X ganha um novo e potente motor diesel de seis cilindros. Se nos Estados Unidos este mercado é dos mais importantes, na Europa os utilitários com caçamba médios não passam de um nicho razoavelmente atraente – forte nos países escandinavos, mas nem tanto no resto do continente. Mas exceto os principais modelos americanos, a oferta na categoria tem sido historicamente composta por veículos de trabalho espartanos. Esse cenário, no entanto, vem mudando, em função das cada vez mais percebidas características adequadas para todas as ocasiões. E as vendas crescentes nos últimos quatro ou cinco anos mostram isso.
Foi por isso que marca alemã quis, em 2016, estrear no segmento com a Classe X. Mas fez à própria maneira: com uma linha que se encaixa no segmento premium e combina as qualidades dos modelos profissionais, o conforto dos sedãs e a praticidade dos SUVs. Em alguns países, no entanto, isso pode não ser um chamariz. Na Itália, por exemplo, país onde foi realizado o test drive, as picapes ainda são registradas apenas como veículos de trabalho e não para o transporte de passageiros. Por isso, gozam de vantagens fiscais, mas só podem ser usadas por quem gerencia cargas. Ou seja, o uso para o lazer fica sujeito a multas pesadas.
A Mercedes Classe X é indicada para um uso misto devido às capacidades de fora de estrada e de carga – pode acomodar uma tonelada de mercadorias. A base técnica vem da Nissan Frontier, graças a um acordo estipulado com o grupo Renault. Mas o modelo da Mercedes distingue-se por um maior comprimento, de 5,34 metros, acabamento refinado e, acima de tudo, seu estilo tipicamente alemão. Além do visual, as diferenças são mais evidentes na cabine, já que se inspira nos luxuosos sedãs da fabricante da estrela, com materiais de imensa qualidade, como couro e revestimentos que remetem à madeira.
Foi recentemente que adicionaram na gama de motores o novo diesel de 6 cilindros 3.0 litros, acoplado à transmissão automática 7G-Tronic Plus com controles para trocas manuais no volante e tração permanente nas quatro rodas 4MATIC. São 258 cv de potência e torque máximo de 56,1 kgfm, já disponível em baixas rotações. 
A oferta em termos de conforto e segurança é rica: além da mais recente tecnologia para estar sempre conectada, não faltam assistência de frenagem, reconhecimento automático de sinais de trânsito, sistema antiderrapante ativo, controle de estabilidade e tração, controle de estabilização de reboque, monitoramento de pressão dos pneus, sistema de chamada de emergência e até uma opcional câmera com visão de 360°. Existem duas versões, Progressive e Power, ambas equipadas de série com chave presencial e ar-condicionado de duas zonas. Na Itália, os preços começam a partir de € 42.983, ou seja, o equivalente a R$ 182 mil. (Colaboração de Márcio Maio/Auto Press)
 
 
 
Primeiras impressões
 
Para toda obra

Lácio/Itália – A avaliação proposta pela Mercedes-Benz aconteceu nas estradas (e não) ao redor do Lago Bracciano, na região de Lácio, província de Roma. Mas foi possível confirmar que o novo motor V6 garante a dinâmica certa tanto para o trânsito no asfalto quanto em caminhos não pavimentados. A transmissão não é de dupla embreagem, porque o 7G-Tronic Plus é mais adequado para a carga de reboque que a Classe X pode transportar – de até 3,5 toneladas.
A tração nas quatro rodas garante viagens seguras e estáveis em todos os tipos de terreno: asfalto, molhado ou neve. Nada parece impossível, graças ao uso de pneus certos e a uma altura livre do solo de 22 cm. A Classe X enfrenta, sem fadiga, inclinações de até 45°, vãos de até 60 centímetros de profundidade e ainda é capaz de posicionar-se obliquamente para cima quase 50°.
 
Com um simples botão no console, o Dynamic Select trabalha de forma que o motorista pode alterar os tempos de resposta do motor e da caixa de câmbio, para maior conforto ou esportividade. Existem cinco modos: Comfort, Eco, Sport, Manual e Off-road. No fora de estrada, o desempenho é garantido pela tração integral permanente com reduzida e bloqueio do diferencial no eixo traseiro – este último, opcional. O sistema é equipado com um diferencial central que distribui a força motriz entre o eixo dianteiro e o eixo traseiro com uma proporção de torque fixo de 40 a 60%. Em resumo, é possível trabalhar, se divertir, viajar confortavelmente ou até encarar uma aventura com a picape.

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas