MotorDream

Testes

Teste: Volkswagen Up 1.0 turbo - Carinha de mau

12/06/2018 04:15  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Teste: Volkswagen Up 1.0 turbo - Carinha de mau

 Volkswagen Up 1.0 turbo com assinatura GTI é arisco e divertido

POR RUBÉN HOYO, DO AUTOCOSMOS.COM
EXCLUSIVO NO BRASIL PARA AUTO PRESS
COLABORAÇÃO DE MÁRCIO MAIO/AUTO PRESS
 
A primeira vez que a Volkswagen apresentou o Up GTI foi como conceito, no tradicional encontro anual de fãs da linha esportiva da marca que acontece no Lago Wörthersee, na Áustria, no ano passado. Agora já em produção, o modelo talvez seja o representante desta assinatura que mais se assemelha ao primeiro Golf GTI, de 1976, já que, como o icônico antepassado, é um automóvel leve, simples, rápido, divertido e, principalmente, mais acessível.
 
O Up foi lançado com uma proposta óbvia de modelo citadino. E seu tamanho pequeno e peso baixo fizeram dele, desde o início, um candidato ideal para levar as iniciais GTI. Não há a sofisticação e o requinte que caracterizam o atual Golf GTI. Pelo contrário, o Up GTI é bastante simples: não há tela sensível ao toque de grandes dimensões no centro do painel e, caso seja necessário um GPS, é preciso recorrer a um telefone celular.
 
O visual remete ao Golf GTI original. Os assentos – em peça única – são forrados no tecido padrão escocês clássico e o botão da alavanca de câmbio tem o desenho de uma bola de golfe. Além disso, outros traços do acabamento reforçam a identidade GTI da configuração. No entanto, com a carroceria de duas portas, o vidro traseiro é fixo. E o excesso de plásticos revela que se trata de um modelo de entrada.
 
As rodas têm 17 polegadas e a suspensão foi reduzida em 15 mm. Um pequeno spoiler traseiro com acabamento em preto dá uma aparência agressiva. Além disso, uma fina linha vermelha na grade e outra na tampa do porta-malas ajudam a caracterizar a variante. Além disso, pinças vermelhas nos freios dianteiros também aparecem. 
 
O motor é o mesmo 1.0 TSI de três cilindros oferecido no Up brasileiro, mas com uma calibragem ligeiramente diferente. Enquanto o GTI entrega 113 cv e 20,3 kgfm de torque, o brasileiro chega a 105 cv e 16,8 kgfm. A transmissão é sempre manual de seis velocidades e com esse conjunto, o Up GTI – que pesa 997 kg – cumpre o zero a 100 km/h em 8,8 segundos e chega à velocidade máxima de 196 km/h. Já no Brasil o 1.0 TSI faz o Up partir da inércia e chegar aos 100 km/h em 9,5 segundos e alcançar 181 km/h máximos.

Primeiras impressões
Além da força
 
Munique/Alemanha – O percurso adotado para a avaliação do Volkswagen Up TSI começou em Munique e foi até a Áustria, no Lago Wörthersee, exatamente onde seu conceito foi exibido pela primeira vez. Um longo caminho que, na verdade, se revelou uma boa oportunidade para perceber o potencial desse novo integrante da linha GTI. 
 
Para os padrões atuais, os números de desempenho do Up GTI podem parecer modestos. No entanto, graças a uma excelente configuração do chassi e aos poderosos freios, se amostra um carro bem divertido de dirigir. Nas estradas mais sinuosas, é capaz de se nivelar a modelos mais potentes. Nas retas, porém, não há milagres: vários automóveis o deixam para trás. De qualquer forma, trata-se de um compacto instigante que permite que a Volkswagen se aproxime de entusiastas que, hoje em dia, não podem pensar em ter um Golf ou um Polo GTI na garagem.
 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas