MotorDream

Testes

Teste: novo Toyota Camry chega ao Brasil no momento em que SUVs predominam

24/12/2017 20:00  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Teste: novo Toyota Camry chega ao Brasil no momento em que SUVs predominam

 

por Jorge Blancarte

do autocosmos.com/México

Exclusivo no Brasil para Auto Press

 

Numa época em que os SUVs são a preferência do público geral, a Toyota vem na contramão e segue oferecendo a opção de aquisição de um sedã de respeito. Trata-se do Camry 2018 que, em sua oitava geração, traz o nível de conforto que já é atributo consagrado do modelo.

 

 

Conhecido pelo conforto que oferece aos ocupantes, o Toyota Camry de nova geração não decepciona. Todos vão acomodados de forma muito bem ergométrica, com capacidade de suportar as mais longas viagens. Entre os equipamentos, estão ar-condicionado de duas zonas, saídas de ar posteriores, muitos porta-objetos, carregador de celular por indução, entrada USB, tomada de 12 volts e teto solar. O porta-malas tem capacidade para até 620 litros.

 

 

O sistema de entretenimento é fácil de usar. A tela é sensível ao toque, de sete polegadas. Entre as funções, estão câmara de ré, Bluetooth e navegação por GPS – essa última, só na versão mais equipada do carro. Há compatibilidade com as plataformas Android Auto e Apple Car Play e o sistema de som é assinado pela JBL – também na versão mais equipada.

 

 

Os materiais de acabamento são de boa qualidade, mesclando pele com plásticos. Além disso, o isolamento acústico cumpre seu papel, mas o ruído do motor invade a cabine quando as rotações se elevam demais. Em todas as versões do Camry, são oferecidos equipamentos de segurança como 10 airbags, Isofix, freios ABS, assistente de frenagem e controle de estabilidade e tração. (Colaboração de Victor Alves/Auto Press)

 

Primeiras impressões


Desempenho ao ponto


Cidade do México/México – O motor 2.5 de quatro cilindros e 201 cv do Camry testado não é o mais forte da linha – este posto é do modelo que virá para o Brasil, com um 3.5 litros V6 de 310 cv. Ainda assim, o sedã proporciona arrancadas e retomadas vigorosas. O carro não se sente preso e nem pesado, mas pelo contrário: é ágil e a relação peso-potência está “no ponto”. Se o condutor quiser uma condução mais esportiva, é só colocar no modo Sport, disponível somente na versão de topo, mais cara.

 

 

Muito da boa resposta do propulsor se deve ao trabalho da transmissão automática de oito velocidades – também usada com o motor V6. Ela ajuda no baixo consumo de combustível ao manter a rotação na casa dos 2 mil giros, juntamente com trocas rápidas e eficientes. Há possibilidade de trocas por paletas ou pelo movimento da própria alavanca de câmbio para cima ou para baixo.

 

 

O bom desempenho da suspensão merece destaque. A direção é confortável e funciona de forma muito precisa, transmitindo as condições do asfalto. Em relação aos freios, o funcionamento é eficaz e está pronto para atuar no exato momento em que é exigido o pedal.

 

 

 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas