MotorDream

Testes

Teste: Ssangyong Actyon Sports - Melhor de dois

06/10/2017 11:00  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Ssangyong Actyon Sports une versatilidade das picapes com conforto dos SUVs

por Jorge Beher
Do Autocosmos.com
Exclusivo no Brasil para Auto Press

Quando surgiram, os utilitários esportivos se baseavam em picapes. Hoje, as picapes médias é que trazem características dos SUVs. Elas mostram que também podem ser confortáveis para uso diário sem perder suas identidades funcionais. É nesse ponto que a Ssangyong Actyon Sports se enquadra, e muito bem. Em sua versão 2017, o modelo segue buscando novos adeptos, ainda mais depois da renovação mecânica: agora, a picape tem um novo motor 2.2 litros que atende às normas do Euro 4, suspensão com elementos mais robustos e melhorias nos equipamentos interiores.

A Actyon Sports deriva de dois SUVs da Ssangyong: o Kyron e o Actyon tradicional – que foram substituídos pelo Korando, Tivoli e XLV. Na nova picape, o que se vê é uma frente mais integrada à parte da cabine e uma área de carga que também busca uma “harmonia” com o restante do carro. Na versão Deluxe, as rodas de 18 polegadas de cor preta dão uma aparência mais esportiva. A grade, renovada em 2012, tradicional e sóbria, tem estilo pouco defasado de comparada, por exemplo, à nova Rexton 2018 que já carrega a nova identidade visual da marca.

Em relação às dimensões, o tamanho da Actyon Sports compreende 4,99 metros de comprimento, 1,91 m de largura, 1,79 m de altura e uma distância entre-eixos de 3,06 m – a caçamba pode carregar até 800 kg. Com essas medidas, a picape compete com outros modelos médios que carregam 1 mil kg, como a Mitsubishi L200, por exemplo. 

Por dentro, a Actyon Sports parece estar mais próxima ao mundo dos SUVs do que das picapes. Ao longo de suas renovações, foram melhorados alguns polímeros e acabamentos que, hoje, configuram um estilo diferenciado, especialmente na zona central do cluster, que está disposto de forma cursiva. Os retoques cromados nas saídas de ar condicionado e alguns acabamentos em alumínio estabelecem um visual agradável dentro do habitáculo.

Mecanicamente, o modelo 2017 da picape traz, no lugar do antigo 2.0, um novo motor 2.2 litros turbodiesel com injeção direta e turbina de geometria variável. Entrega 178 cv de potência e 40,79 kgfm de torque – o motor anterior tinha 154 cv e 31,71 kgfm. O novo propulsor pode ser associado a uma transmissão manual de seis velocidades ou a uma automática que também tem seis marchas. 

De série, todas as Actyon vêm com vidros elétricos, comandos do rádio no volante, espelhos elétricos com calefação, travas centralizadas com comando a distância, computador de bordo e apoio de braços traseiros. Além disso, tem ainda airbags e fixação Isofix. (Colaboração de Victor Alves/Auto Press)

 

Primeiras impressões


Perfil padrão

Santiago do Chile – Como em toda picape, a suspensão feita para carregar peso não colabora muito com a estabilidade. A carroceria da Actyon Sports rola caso haja um “abuso” nas curvas. As trocas de marcha são cômodas, mas percebe-se certo trabalho voltado para uso em carga, com marchas que precisam de algum tempo para entrar. 

Com respeito à suspensão Heavy Duty, há qualidade no amortecimento. Isso se percebe melhor nas interações da Actyon com terrenos acidentados, já que esse sistema eleva a altura em 1 cm. A Ssangyong declara o consumo da picape perto dos 9,7 km/l na cidade e 14,1 km/l na estrada.

 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas