MotorDream

Lançamentos

Nova geração do Porsche Cayenne chegará ao Brasil em 2018

05/10/2017 09:00  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Prevista para 2018 no Brasil, terceira geração do Porsche Cayenne muda pouco no visual, mas muito no resto

por Márcio Maio
Auto Press

O mercado de SUVs entrou na mira da maioria das fabricantes automotivas premium nesta década. Mas já faz 15 anos que a Porsche surpreendeu os consumidores mais tradicionais com seu utilitário esportivo grandalhão e que destoava completamente do resto da gama, o Cayenne. Agora, em sua terceira geração, apresentada oficialmente no Salão de Frankfurt, o modelo mudou pouco no visual. Mas passou por transformações expressivas na sua mecânica e plataforma eletrônica. E já tem chegada garantida ao Brasil no ano que vem, a partir do segundo semestre. De acordo com a fabricante, tudo foi mexido: desde os motores turbo e a caixa de câmbio Tiptronic S com oito velocidades aos sistemas de chassi. 

Segundo a Porsche, o novo Cayenne é baseado intimamente no icônico esportivo 911. A terceira edição do SUV traz agora, pela primeira vez, pneus com tamanhos diferentes na frente e atrás e eixo traseiro direcional. O comportamento na estrada foi aperfeiçoado com a tração ativa nas quatro rodas, o sistema Porsche 4D Chassis Control – que aumenta a agilidade nas curvas fechadas e a estabilidade nas mudanças de faixas em alta velocidade –, a suspensão pneumática de três câmaras e o sistema eletrônico de estabilização de rolagem, o Porsche Dynamic Chassis Control (PDCC). E mesmo com equipamento de série ampliado, o novo Cayenne pesa 55 kg a menos que seu antecessor. Foi de 2.040 kg para os atuais 1.985 kg. 

O novo SUV da Porsche foi lançado em duas versões. O Cayenne, com motor turbo de seis cilindros e 3.0 litros, tem potência de 340 cv – são 40 cv a mais que antes – e desenvolve 45,9 kgfm de torque. Ele acelera de zero a 100 km/h em 6,2 segundos e chega à velocidade máxima de 245 km/h. Já o Cayenne S traz um V6 2.9 litros com dois turbocompressores de 440 cv, ou seja, um ganho de 20 c. O torque é de 56,1 kgfm e seu zero a 100 km/h é cumprido em 5,2 segundos, com máxima de 265 km/h. Ambos utilizam a nova caixa de câmbio Tiptronic S, de oito velocidades. Com ela, a Porsche promete tempos de resposta menores e relações mais esportivas nas marchas mais baixas.

A aparência do Cayenne mudou pouco. As entradas de ar aumentadas na dianteira expressam a melhoria no desempenho, enquanto as linhas horizontais mais leves dão uma ideia de largura ampliada. As dimensões são de 4,92 metros de comprimento, 1,98 m de largura – excluindo os espelhos – e 2,90 m de entre-eixos. O volume do compartimento de bagagem agora é de 770 litros, ou seja, a capacidade foi ampliada em 100 litros. As rodas são maiores no eixo traseiro, alternativa adotada pela marca alemã para melhor ainda mais a dinâmica de condução. 

Para o fora de estrada, há modos de condução off-road programados para uso na lama, cascalho, areia ou pedras. A tração, chassi e travamento dos diferenciais podem ser selecionados de acordo com o cenário correspondente. E todas as versões utilizam tração integral ativa que distribui a força entre os dois eixos. E a Porsche oferece rodas com até 21 polegadas de diâmetro como opção para o Cayenne na traseira – neste caso, a dianteira fica com 20 polegadas.

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas