MotorDream

Testes

Teste: Mercedes-Benz GLE 500e híbrido - Luxo com economia

03/08/2017 11:00  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Mercedes-Benz GLE 500e tem propulsão híbrida que permite consumo de 30 km/l
 
Por Alejandro Konstantonis
Do Autocosmos.com/México
Exclusivo no Brasil para Auto Press
 
 
A chegada de versões híbridas se tornou iminente e cresce a passos agigantados. A “bola da vez” é a Mercedes-Benz, que aderiu à “onda dos carros verdes” e trouxe o GLE 500e híbrido. O modelo, que representa a nova geração do ML, nessa versão híbrida, vem com conjunto mecânico composto por um V6 biturbo, de 333 cv, e um elétrico de 116 cv. E esbanja luxo por todos os lados.
A principal virtude do GLE 500e híbrido está escondida sob o capô. Trata-se do trem de força que combina um motor a combustão aliado a outro elétrico. O primeiro é um seis cilindros em V, de 3.0 litros, assistido por um par de turbocompressores, que entrega 333 cv. Somado a ele, está um propulsor elétrico de 116 cv. Juntos, entregam uma potência combinada de 442 cv e uma força de torque de 66,36 kgfm. A transmissão é automática de sete marchas e a tração é enviada às quatro rodas através do sistema 4MATIC, da Mercedes.
O GLE 500e tem autonomia de até 30 km no modo puramente elétrico. A recuperação de carga utiliza energia cinética originada pelas freadas – ou seja, transforma energia cinética em elétrica. Essa energia gerada é armazenada no pacote de baterias de íons de lítio, de 8,8 kWh. Quando corridos mais de 30 quilômetros sem parar, o motor a combustão assiste o elétrico, inclusive com a força de frenagem e desacelerações, o que garante um consumo de até 30,3 km/l.
As dimensões gerais do GLE 500 são 4,8 m de comprimento, 1,93 m de largura, e 1,79 m de altura. A distância entre-eixos é de 2,91 m. Seu peso total é de 2.465 kg e apresenta capacidade de carga conjunta, que inclui passageiros e carga, de até 700 kg. O esquema de suspensão corre a cargo de paralelogramos deformáveis em cada uma das rodas. Os freios são a disco nas quatro rodas e contam com sistema ABS, que, por sua vez, “governa” os controles de estabilidade e tração.
Na Europa, o GLE 500e híbrido tem preço inicial de 51.290 euros (aproximadamente R$ 188.500). O modelo não está disponível no Brasil. (Colaboração de Victor Alves/Auto Press)
 
Primeiras impressões
 
Elevado padrão

Cidade do México – O GLE 500e híbrido apresenta muita qualidade. O comportamento é exemplar, assim como o isolamento acústico, que beira a perfeição. A resposta do acelerador é imediata, como se fosse um esportivo de uma tonelada de peso a menos. A transmissão se mostra bem escalonada e o sistema 4MATIC “crava” as rodas no asfalto e não permite nenhum susto com derrapagem.
A direção no modo elétrico é elogiável. São 30 km de autonomia que, embora pareça pouco, dá conta suficiente de “passeios” pela cidade e permite encarar o pesado trânsito sem utilizar uma gota de combustível líquido e nem emitir nada de CO2 à atmosfera. O planeta agradece.
 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas