MotorDream

Testes

Teste: Volvo XC 90 T8 Híbrido - Força conjunta

17/03/2017 09:00  - Fotos: Eduardo Rocha/Carta Z Notícias
Envie por email

 

Volvo quer ampliar vendas do XC 90 com o T8, versão mais potente que tem motorização híbrida

por Eduardo Rocha
Auto Press

Com o tempo, a exigência para uma marca se manter na vanguarda do mercado só aumenta. Houve um tempo que para que um modelo fosse considerado de luxo bastava ser requintado e potente. Depois, a segurança se tornou item primordial. Hoje é preciso ser tudo isso e ainda ecologicamente correto – o que significa econônico e pouco poluente. É nesse contexto que a Volvo passa a vender no Brasil o XC 90 T8 Híbrido, a versão híbrida do seu SUV de grande porte. Mais que uma real preocupação com a economia, a propulsão híbrida entra na equação como uma demonstração de tecnologia e um fôlego adicional no desempenho.

O XC 90 T8 aparece na gama do utilitário apenas na atual versão de topo, Inscription, por R$ 456.950, e na nova configuração, ainda mais luxuosa, Excellence, por R$ 519.950, versão que será vendida sob encomenda e que transforma o SUV em um veículo executivo de quatro lugares – com direito a bancos traseiros elétricos, climatizados e reclináveis e console central com suporte para computador, pads, geladeira, etc. Em relação ao XC 90 “normal”, a versão híbrida ganha integralmente os 87 cv de potência e os 24,5 kgfm de torque fornecidos pelo propulsor elétrico. Isso se soma aos 320 cv e aos 40,8 kgfm gerados pelo motor 2.0 supercharged turbo de quatro cilindros – o mesmo da versão T6 –, que é gerenciado por um câmbio de oito velocidades com comando totalmente eletrônico. No total, são 407 cv de potência e 65,3 kgfm de torque. 

Normalmente, quando um carro recebe tecnologia híbrida, há uma perda de potência na combinação dos propulsores. No caso do XC 90, a soma é simplesmente aritmética por conta do sistema de tração adotado pela marca, batizado de eAWD. O motor a explosão movimenta apenas as rodas da frente, enquanto o elétrico atua apenas no eixo traseiro. Por isso, em momentos em que o carro é exigido ao máximo, os dois motores atuam com força total. Ainda que o sistema eAWD tenha eliminado o eixo cardã e o sistema tradicional de tracionamento das rodas traseiras, a versão T8 ficou 154 kg mais pesada que a T6 – chega a 2.319 kg. O que torna ainda mais impressionante a aceleração do modelo. Empurrado pelo conjunto, o XC 90 T8 cumpre o zero a 100 km/h em 5,6 segundos, 0,9 s a menos que a versão a gasolina.

A bateria de íons de lítio de 400 V tem capacidade de 9,2 kW/h, o que dá uma autonomia de 35 km ao T8 no modo totalmente elétrico, chamado de Pure. É o que a Volvo calcula ser suficiente para que o sujeito vá de casa para o trabalho e uma vez lá recarregue o modelo em uma tomada de três pinos. Em um alimentador de 6 Ampères, é preciso 6 horas para a carga completa. Com um de 10 A, cai para 3,5 horas e com 16 A, 2,5 horas. O motorista ainda pode acionar o sistema Hold, que  guarda a energia da bateria, ou ainda recorrer à função Charge, que faz com que o motor a explosão funcione como um gerador para recarregar a bateria.

Além do modo de atuação Pure, o conjunto propulsor tem ainda outros dois: Hybrid, em que combina os dois motores mas é voltado à economia, e Power, que dá prioridade ao motor a gasolina, mas utiliza o motor elétrico para otimizar o desempenho. Estes ajustes podem ser combinados com dois modos básicos de condução: AWD e Off-road. Eles podem alterar a altura de suspensão, acionar o controle de descida ou manter o sistema de tração nas quatro rodas de forma permanente. No modo Power, o carro é rebaixado em 10 mm em relação à altura normal enquanto no Off-road ele sobe 40 mm, mas só mantém esta condição em velocidades de até 40 km/h.

Estas configurações dinâmicas são realizadas através de um controle giratório no console central, logo abaixo da pequena manopla de câmbio em cristal da sueca Orrefors. Este, talvez, seja o item de luxo mais ostensivo no interior do XC 90 T8 Inscription. Nos demais detalhes, há uma preocupação de manter o discreto charme característico da marca. O painel de madeira nos painéis das portas, por exemplo, recebe um acabamento fosco. Elementos como alumínio, couro, frisos cromados e detalhes em laca preta são dosados com bastante cuidado.

Os recursos do T8 são os que se espera de um modelo que custa quase meio milhão de reais. Som Bowers & Wilkins com 1.400 Watts, suspensão a ar, ar-condicionado de quatro zonas, banco dianteiros climatizados, com ajuste elétrico e com massageador, tetro panorâmico elétrico, revestimento em couro, controle de cruzeiro adaptativo com sistema de frenagem automática, sistema de visão noturna, conjunto de câmaras 360º, faróis full led com luz alta automática, saídas de ar exclusivas para a terceira fileira de bancos.

 

Nesta nova geração, a segunda, lançada em 2014, o XC 90 tem obtido um bom desempenho de vendas, inclusive no Brasil. No ano passado, o modelo emplacou 416 unidades e ficou em 3º lugar entre os SUVs de luxo – atrás apenas de Mercedes-Benz GLE e de BMW X5. Com a recém-lançada versão diesel, em setembro passado e a chegada do T8, a expectativa da marca é aumentar em quase 50% suas vendsas até o fim do ano, para chegar a 650 unidades – bem próximo dos resultados de GLE e X5 em 2016 e à frente de Jaguar F-Pace, Porsche Cayenne, Range Rover e Audi Q7.

Primeiras impressões
 
Dupla personalidade
 
São Paulo/SP – Em um test-drive amarrado pelo trânsito paulistano e por um roteiro pouco flexível, foi possível constatar, ao menos, que o XC 90 T8 é um carro lotado de tecnologia e conforto. A intenção da Volvo era exibir a capacidade de economizar da nova motorização – segundo o InMetro, ele cumpre médias de 15,3 km/l na cidade e 15,8 km/l na estrada. Como é normal acontecer em modelos híbridos, ao se acionar a ignição, pouca coisa acontece. Apenas as luzes do painel dão sinal de vida. Se o pé direito for bem dosado, o SUV vai se movimentar sem que os ruídos emitidos pelo carro denunciem seu funcionamento. Mas mesmo quando o motor a explosão é forçado a entrar em ação, o som que chega na cabine é extremamente baixo.
 
 
Por dentro, o T8 é o que se espera de um modelo de luxo: acabamento bem cuidado, materiais de qualidade e muitos recursos de conforto. No console central, uma tela capacitiva colocada na vertical de 12,3 polegadas permite configurar todos os recursos do modelo. Além dela, as informações são oferecidas pelo próprio painel de instrumentos à frente do condutor e ainda pelo head up display – projetadas diretamente no vidro.
 
Mesmo que se estabeleça um modo de condução, como Pure ou Hybrid, no fim das contas o carro obedece às solicitações do condutor. E aí os 407 cv e 65,3 kgfm do conjunto propulsor se fazem ouvir. As 2,3 toneladas do SUV ganha velocidade com muita facilidade, tanto nas retomadas quanto nas arrancadas. Nessas situações, a suspensão endurece, principalmente a traseira, e os buracos reverberam até os ocupantes. De qualquer forma, não é este o comportamento que o XC 90 inspira em quem está no comando. O melhor do XC 90 T8 é usufruir do conforto interno, do silêncio absoluto e do rodar extremamente suave.
 
Ficha Técnica
 
Volvo XC 90 T8 híbrido
 
Motor a combustão: a gasolina, dianteiro, transversal, 1.969 cm³, quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro, com compressor volumétrico e turbocompressor. Injeção direta de combustível. Potência de 320 cv a 5.700 mil rpm. Torque de 40,8 kgfm entre 2.200 e 5.400 giros.
Motor elétrico: Com 65 kW, ou 87 cv, de potência e 24,5 kgfm de torque. Alimentado por baterias de íons de lítio de 400 V e 9,2 kW/h.
Transmissão: Câmbio automático de oito velocidades a frente e uma a ré. Tração integral sendo a dianteira pelo motor a combustão e a traseira pelo motor elétrico. Controle de tração. 
Potência combinada de 407 cv.
Torque combinado: 65,3 kgfm. 
Diâmetro e curso: 82 mm x 93,2 mm. Taxa de compressão: 10,3:1.
Aceleração de zero a 100 km/h: 5,6 segundos.
Velocidade máxima: 230 km/h. 
Suspensão: Suspensão adaptativa a ar de série. Traseira com ligações integrais e molas helicoidais. Oferece controle de estabilidade. 
Pneus: 275/45 R20 com monitoramento de pressão.
Freios: Discos ventilados na frente e atrás. Oferece ABS com EBD e assistência de frenagem eletrônica e frenagem de emergência automática. 
Carroceria: Utilitário esportivo em monobloco com quatro portas e sete lugares. Com 4,95 metros de comprimento, 2,14 m de largura, 1,77 m de altura e 2,98 m de entre-eixos. 
Peso em ordem de marcha: 2.319 kg.
Capacidade do porta-malas: 640 litros.
Capacidade tanque do combustível: 50 litros. 
Produção: Torsland, Suécia. 
Itens de série: controle de áudio no volante, sistema de áudio com 10 alto-falantes, assentos dianteiros com regulagem elétrica e aquecimento, assento para crianças no banco traseiro, capacidade para sete lugares, ar-condicionado digital de quatro zonas com saída para porta-luvas, purificador de ar, sistema de climatização exclusivo para terceira fileira, teto solar panorâmico, painel de instrumentos digital de 12,3 polegadas, painel central de LCD de nove polegadas touchscreen, airbags frontais, laterais e de cortina, assistente de frenagem de emergência, cintos de segurança com pré-tensores e limitador de esforço, frenagem automática para veículos, pedestres e ciclistas com visão noturna, controle eletrônico de estabilidade, controle eletrônico anticapotamento, sistema de alerta ao condutor, sistema de alerta para troca de faixa, partida sem chave, configurador de modo de condução, controle adaptativo de cruzeiro, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, assistente de estacionamento paralelo e perpendicular, Volvo on Call, faróis full leds, espelhos retrovisores elétrico com desembaçador, memória e indicador de luzes em leds, rodas de liga leve aro 20. 
Preço: R$ 456.950.

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas