MotorDream

Motos

Indian Chief Dark Horse - Lado negro

02/03/2017 18:34  - Fotos: Divulgação
Envie por email

 

Indian pretende trazer a Chief Dark Horse para o Brasil ainda esse ano

por Márcio Maio
Auto Press

Na crise, às vezes os produtos mais caros são os menos afetados. Não à toa, a Indian manteve os planos de vendas no Brasil. Há pouco mais de um ano, no Salão de Duas Rodas de São Paulo de 2015, voltou oficialmente ao país – esse “namoro”, na verdade, começou dois anos antes. Além do modelo de entrada Scout, a marca comercializa por aqui as integrantes da linha Chief, que traz sempre a mesma motocicleta, com diferenças nos itens periféricos. E essa gama, que hoje já conta com a Classic, Vintage, Chieftain e Roadmaster, deve crescer em breve, com a chegada da Dark Horse. O principal destaque dela é o tom preto fosco predominante em suas peças, com cromados em pequenos itens. O resultado é um visual mais agressivo e, ao mesmo tempo, moderno para a linha tradicional. 

A Dark Horse vem equipada com o parrudo motor de dois cilindros em “V” Thunder Stroke 111, com 1.811 cm³ - a marca não divulga a potência do propulsor – e torque de 16,48 kgfm em 3 mil giros. Já a transmissão é de seis marchas. O chassi e a suspensão são os mesmos da Chief Classic, com ABS de série, chave presencial, controle de velocidade de cruzeiro e lanterna em leds. O peso seco é de 341 kg e o tanque tem capacidade para levar até 20,8 litros de gasolina.

Em relação às medidas, a moto tem 2,63 metros de comprimento, 1,18 m de altura e 1,73 m de entre-eixos. A altura do assento é de 66 cm, enquanto a distância em relação ao solo é de 14 cm. A largura é de exatamente 1 metro. Assim como todos os modelos da Indian, a Chief Dark Horse pode ser altamente customizada, com uma lista de mais de 40 itens disponíveis, entre acessórios e equipamentos. 

 

Ainda não há uma previsão para o seu desembarque no Brasil. O mais provável é que aconteça mais perto do final do ano, durante o Salão de Duas Rodas de São Paulo, que ocorrerá entre 14 e 19 de novembro. O preço também é uma incógnita. Nos Estados Unidos, uma Chief Vintage custa US$ 20 mil, ou seja, cerca de R$ 62 mil. Aqui, porém, a mesma moto sai a R$ 79.990 – uma diferença de quase 30%. Se a mesma lógica for seguida, a Dark Horse, que sai a US$ 17.500 no mercado norte-americano, pode custar por volta dos R$ 70 mil por aqui.

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas