MotorDream

Testes

Teste: Peugeot 3008 - Fase de crescimento

21/10/2016 09:31  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Teste: Peugeot 3008 - Fase de crescimento

Novo Peugeot 3008 ganha “musculatura”, tamanho e cara de SUV

por Alejandro Konstantonis
do Autocosmos.com/México
exclusivo no Brasil para Auto Press

A expectativa gerada pelo novo 3008 era grande. E, de fato, as mudanças em relação ao crossover, lançado em 2009 e reestilizado em 2013, causaram sensação quando ele deu as caras no último Salão do Automóvel de Paris, no início de outubro. A nova geração cresceu em dimensões e ganhou mais itens que visam a segurança dos ocupantes. A função do novo 3008 é clara: o modelo deve se tornar o utilitário esportivo que a Peugeot não tinha.

Visualmente, o 3008 é ousado, moderno e impressiona, principalmente pela robustez. A dianteira está com visual mais “vertical” e chapado, com porte musculoso e a nova identidade visual da marca muito bem delineada, com grade trapezoidal com efeito tridimensional nas divisórias, faróis seccionados por vincos simétricos e para-choque invadido por tomadas de ar. Teto, colunas e até o topo da tampa do porta-malas possuem acabamento em tom contrastante. As lanternas, em leds, insinuam as “garras de leão” de Sochaux. 

O interior é uma das partes que mais chamam atenção no modelo. O volante e o painel de instrumentos digital, com tela de 12,3 polegadas, estreiam a segunda geração do i-Cockpit. Eles são completados por comandos no console que emulam teclas de piano. Nas medidas, o carro está 9 cm mais comprido e 6 cm mais longo em entre-eixos do que o antecessor, mas ficou 100 kg mais leve. A economia na balança se deve ao uso da plataforma EMP2, a mesma do 308 europeu. O porta-malas ganhou 20 litros de capacidade, totalizando 520 litros.

O trem de força pode ser o 1.2 três cilindros turbo, de 130 cv, ou o já conhecido 1.6 turbo de 165 cv, ambos a gasolina. Há ainda dois motores turbodiesel: um 1.6 com 100 cv ou 120 cv e outro 2.0 de 150 cv ou 180 cv. O câmbio pode ser manual ou automático de seis marchas. Entre os itens de segurança, destacam-se alerta de distância e de fadiga do motorista, farol alto automático, controle de cruzeiro adaptativo com função de parada e retomada de movimento, assistente de estacionamento e alerta de ponto cego. A Peugeot ainda oferecerá, em alguns mercados, uma scooter elétrica ou bicicleta elétrica dobrável, projetadas para se integrarem ao porta-malas e serem recarregadas quando o SUV se movimentar.

A fabricante francesa ainda não confirmou a venda do novo 3008 no Brasil. Por aqui, enfrentará a concorrência de utilitários como Honda CR-V, Toyota RAV4 e Hyundai ix35. Mas já está certo que ele terá lugar de destaque no estande da marca durante o Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, que acontece em novembro.

Primeiras impressões

Elevado refinamento

Toscana/Itália – Os carros da Peugeot sempre foram conhecidos pelo bom nível de acabamento. No novo 3008, isso se eleva ainda mais. O refinamento transmitido pelos revestimentos impressiona e aparenta ser de veículos de segmento superior. Além da qualidade dos materiais, o design é bastante futurista. A segunda geração o i-Cockpit, com tela de 12,3 polegadas, melhora muito a sensação de imersão ao rodar com o veículo. 

Graças à utilização de motores turbo, a reação do acelerador é imediata. As respostas da transmissão automática são rápidas e a entrega de torque é bastante linear em quase toda faixa de rotação. O desempenho superou a expectativas, visto que se trata de um SUV. O veículo é muito ágil, proporcionando uma condução divertida.

Apesar de se enquadrar como um SUV, o 3008 não aparenta ter aptidão off-road por conta do seu baixo ângulo de ataque e saída, 22 e 29 graus respectivamente, além da sua pequena altura em relação ao solo. O comportamento em curvas é bom e passa firmeza. O conjunto de suspensão do tipo MacPherson na dianteira e eixo de torção, em vez do multilink, entrega conforto e não compromete o desempenho do modelo em curvas, mas sacrifica um pouco de espaço nos bancos traseiros e no porta-malas. Com bom desempenho e capricho especial no design e acabamentos, o 3008 promete acirrar ainda mais a disputa entre os utilitários esportivos nos mercados onde for comercializado.

 

 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas