MotorDream

Testes

Teste: Com quatro portas, Volkswagen Up! aponta novas saídas

06/04/2012 10:00  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Teste: Com quatro portas, Volkswagen Up! aponta novas saídas

Volkswagen Up! ganha quatro portas para ter mais versatilidade e tentar melhorar vendas

por Carlo Valente
do InfoMotori/Itália
exclusivo para Auto Press


A Volkswagen não tardou em apresentar a versão quatro portas de seu novo subcompacto, o Up!. O modelo manteve o estilo inconfundível e todas as características da variante duas portas, mas adiciona praticidade ao carrinho. Com isso, a marca alemã espera aumentar as vendas do modelo na Europa onde, apesar do sucesso de crítica, ele ainda parece não ter convencido os consumidores de seus predicados urbanos. Além do Up!, o projeto ainda deu origem aos Skoda Citygo e Seat Mii, idênticos ao modelo da Volkswagen, mas comercializados por preços ainda menores.

Sob o capô, apenas um motor, o eficiente 1.0 litro de três cilindros em duas configurações, com 60 cv e 75 cv. Ambas podem ganhar o kit Bluemotion Technology ao custo de 400 euros – pouco menos de R$ 1 mil –, que reduz ainda mais o consumo e emissões de poluentes do motorzinho. O câmbio é sempre um elogiado manual de cinco marchas – uma opção automatizada deve chegar  ainda este ano. Em 2013 chega o Up! elétrico e até mesmo uma versão movida a metano, muito apreciada em mercados como a Itália, deverá aparecer. O conjunto é suficiente para levar o carrinho de zero a 100 km/h em aceitáveis 13,2 segundos e à velocidade máxima de 171 km/h. O consumo fica na casa dos 18 km/l de gasolina, enquanto as versões Bluemotion ultrapassam os 21 km/l no ciclo combinado cidade/estrada.



O carrinho é muito bem equipado de série, principalmente na versão topo, a High Up!. Itens importantes, como airbags frontais, laterais e de cabeça estão disponíveis, assim como freios ABS e controle de estabilidade – de série em todas as versões. A variante mais cara também traz o ótimo sistema Infotaintment, que reúne controles do sistema de som e do navegador por GPS através de uma tela sensível ao toque montada no alto do painel. Ela pode ser até removida quando fora de uso, liberando espaço. Além disso, ainda há o opcional sistema de parada de emergência, que em tráfego urbano monitora a frente do carro, e freia automaticamente o Up! a velocidades de até 30 km/h, evitando possíveis colisões ou atropelamentos. O carrinho é o único da categoria a ter esse tipo de equipamento.

A adição das portas traseiras só deu mais praticidade ao carro. As dimensões enxutas não foram alteradas. Ele se mantém com 3,54 m de comprimento e 1,64 m de largura, que são suficientes para fazer do Up! um ótimo carro urbano, capaz de "costurar" o tráfego e estacionar sem dificuldades. O bom entre-eixos de 2,42 m ajuda no espaço interno. O Up! é considerado um enorme salto em relação ao brasileiro Fox – considerado um fracasso –, antecessor do modelo na Europa. O projeto inteiramente novo, focado nas necessidades urbanas do Velho Continente, tem melhor aproveitamento do espaço interno e motorização mais eficiente. Além do preço atraente, para conquistar o exigente consumidor europeu.



Impressões ao dirigir

Menores frascos

Düsseldorf/Alemanha – O Up! definitivamente surpreende ao volante. Após a decepção que foi seu antecessor, o Fox "made in Brazil", o novo carro deixa clara sua origem alemã pela robustez, sensação de segurança e tecnologia empregada. Além disso, é um carro confortável e que em muitos momentos nem parece ser um hatch compacto urbano. Os revestimentos são de qualidade e a montagem muito boa, como de praxe nos Volkswagen europeus. Mesmo que custe mais que alguns concorrentes, é fácil perceber a superioridade do Up!.

Claro que, para manter os custos reduzidos, algumas concessões precisaram ser feitas ao modelo. A lista de equipamentos é enxuta e não vai muito além do necessário, ainda que a versão topo conte com um excelente sistema de entretenimento e navegação com tela sensível ao toque. Mas o acionamento dos vidros dianteiros não possui função um toque e os vidros traseiros não abrem, apenas basculam, mesmo caso do Toyota Aygo.



Entretanto o espaço interno é dos melhores, visivelmente pensado para acomodar o usual biotipo alemão, que facilmente ultrapassa 1,90 m de altura, Não há apertos na frente. Nos bancos traseiros, o espaço é suficiente para pessoas de estatura mediana, e as portas extras facilitam muito o entra-e-sai. A visibilidade é muito boa para todos os lados, graças aos vidros grandes e colunas finas.

O motor 1.0 litro de três cilindros e 75 cv dá conta do recado. O desempenho é ajudado pelo ótimo câmbio manual de cinco marchas, com engates precisos e rápidos. As cifras de consumo apontadas pela Volkswagen são possíveis, mas apenas com muita parcimônia no acelerador, o que deixa o Up! um tanto lento. Para fazê-lo andar a contento é necessário explorar mais o motorzinho. O carro tem ótimo comportamento dinâmico, que também surpreende para um modelo desse segmento. A suspensão consegue neutralizar as imperfeições do asfalto e ainda assim segurar o carro nas curvas mais fechadas.



Ficha Técnica

Volkswagen High Up! 1.0


Motor:
A gasolina, dianteiro, 999 cm³, três cilindros e quatro válvulas por cilindro. Injeção eletrônica multiponto seqüencial e acelerador eletrônico
Transmissão: Câmbio manual de cinco velocidades à frente e uma a ré. Tração dianteira. Oferece controle eletrônico de tração.
Potência máxima: 75 cv a 6.200 rpm.
Aceleração 0-100 km/h: 13,2 s.
Velocidade máxima: 171 km/h.
Torque máximo:
9,6 kgfm entre 3 mil e 4.300 rpm.
Diâmetro e curso: 74,5 mm x 76,4 mm. Taxa de compressão: 10,5:1.
Suspensão: Dianteira independente do tipo McPherson, com braços triangulares transversais, molas helicoidais, amortecedores telescópicos hidráulicos e barra estabilizadora. Traseira interdependente, com braços longitudinais, molas helicoidais e amortecedores telescópicos hidráulicos. Não oferece controle eletrônico de estabilidade.
Pneus:
185/65 R14.
Freios: Discos ventilados na frente e discos à tambor atrás. Oferece ABS com EBD
Carroceria:
Hatch compacto em monobloco, com quatro portas e cinco lugares. 3,89 metros de comprimento, 1,46 m de largura, 1,65 m de altura e 2,46 m de entre-eixos. Oferece airbag duplo como opcional.
Peso: 929 kg em ordem de marcha, com 436 kg de carga útil.
Capacidade do porta-malas: 251 litros.
Tanque de combustível: 35 litros.
Produção:
Bratislava, Eslováquia.
Lançamento mundial:
2011.
Itens de série: Vidros dianteiros elétricos, travas elétricas, rádio/CD/MP3/USB/Bluetooth, banco do motorista com ajuste de altura, computador de bordo, direção hidráulica, freios ABS, airbag frontais, laterais e de cabeça, ar-condicionado, regulagem de altura para o volante, retrovisores, sistema de frenagem automática na cidade,
Preço na Europa: 13.525 euros (cerca de R$ 33 mil).

Veja mais: Volkswagen Up! ganha versão da ABT Sportline
Veja também: Volkswagen Up! é o Carro do Ano na Inglaterra


 

 

 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2014 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas